Assistência Social - Proteção Especial de Média Complexidade

Idosos fazendo hidroginástica na piscina

São considerados serviços de média complexidade aqueles que oferecem atendimentos às famílias e indivíduos com seus direitos violados, mas cujos vínculos familiares e comunitários não forma rompidos. Neste sentido, requerem maior estruturação técnico-operacional e atenção especializada e mais individualizada, e, ou, de acompanhamento sistemático e monitorado.

Na Proteção Social Especial de Média Complexidade estão os Centros de Referência Especializados de Assistência Social- CREAS que tem o papel primordial na oferta de orientação e apoio a indivíduos com seus direitos violados. 

CREAS

O que é o CREAS?
O CREAS é uma unidade pública integrante do Sistema Único de Assistência Social – SUAS. Nesse espaço são oferecidos serviços especializados e continuados a indivíduos e famílias com seus direitos violados, direcionando o foco das ações para as famílias, contribuindo para que estas possam enfrentar com autonomia os revezes da vida pessoal e social.
Serviços ofertados nos CREAS:
Serviço de Proteção Social e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos (PAEFI);
Serviço Especializado em Abordagem Social;
Serviço de Proteção Social a Adolescentes em Cumprimento de Medida Socioeducativa de Liberdade Assistida (LA) e de Prestação de Serviços à Comunidade (PSC);
Serviço de Proteção Social Especial para Pessoas com Deficiência, Idosas e suas Famílias;
Serviço Especializado para Pessoas em Situação de Rua;]
Endereços:
CREAS - Rua Felicidade Siqueira, nº 136, Alvorada - Vila Velha
Telefone: 3229-0981 / 3391-6945 / 3226-6404
CREAS - Rua Cabo Ailson Simões, 40, Centro - Vila Velha
Telefone: 3388-4054


Serviço Especializado em Abordagem Social

A Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Vila Velha (Semas) realiza um trabalho intenso e diário de abordagem, por meio do Serviço Especializado em Abordagem Social (Seas), em todas as localidades de Vila Velha em que há demanda. Nas abordagens são oferecidos serviços da rede de proteção social e encaminhamentos, que buscam a reintegração desses cidadãos à sociedade. Porém, a construção de saída das ruas é um processo gradativo e de convencimento, não sendo possível realizar práticas compulsórias, tendo em vista as legislações vigentes. Um dos principais encaminhamentos realizado pela equipe é a reintegração familiar, na qual se busca que o indivíduo retome o vínculo com sua família.
 
O trabalho realizado pelas equipes da Assistência Social de Vila Velha é de construção do processo de saída das ruas na perspectiva socioeducativa. No momento em que o indivíduo aceita o atendimento da assistência, imediatamente esta pessoa é cadastrada e encaminhada para ser acompanhada no Centro Pop e abrigos, onde são inseridos em atividades como:
 
Atendimento psicossocial – atendimento e acompanhamento do assistente social e psicólogo;
 
Atendimento Jurídico – realiza orientações jurídicas;
 
Oficinas do cuidado e da espiritualidade - trabalho de reeducação voltado para os cuidados com o corpo e saúde. São realizados rodas de conversa com objetivo da promoção do cuidado ao ser humano como ser integral, pela valorização da dimensão, física, emocional, social e espiritual.
 
Oficinas de Artes – estimula o uso de recursos sustentáveis na elaboração, produção manual e venda de objetos e artefatos predominantemente utilitários;
 
Grupos de reflexão – palestras com módulos de cidadania;
 
Agência do Trabalho de Vila Velha (SINE) – encaminhamentos para emprego, parcerias com empresas;
 
Defensoria Pública de Vila Velha e Ministério Público (Casa do Cidadão de Vitória)– parceria para retirada de Certidão de Nascimento e demais documentações;
 
CAPS e Rede Abraço – para o usuário que necessite de residências terapêuticas e de atendimento com relação a dependência química;
 
Programas e Projetos Sociais – encaminhamentos para Cadastro único, Bolsa Família, benefícios assistenciais, Pronatec, cursos de qualificação profissional;  
 
Parceria com a Secretaria Municipal de Educação – insere em atividades de alfabetização e Educação de Jovens e Adultos (EJA);
 
Oficinas de Música – atividades de interação e contato com a música por meio do manuseio de diferentes instrumentos, bem como com o canto;
 
Parceria com Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico – insere os usuários no projeto de Economia Solidária;
 
Estudos e Programação Neolinguística - métodos de comunicação e desenvolvimento humano para a pessoa em situação de rua
 
A população também pode contribuir entrando em contato com o serviço de abordagem quando constatar pessoas em situação de rua que necessitam de ajuda e também para realizar doações para esse público nos locais adequados. Os telefones são o 3149 - 9223 e 9 9717- 5012. 

Centro Pop
O Centro Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop) é um espaço de atendimento social que oferece acolhida e apoio, visando a inserção social e propiciando o resgate da autonomia do público em situação de rua. As principais atividades realizadas são higiene pessoal, alimentação, guarda de pertences, encaminhamentos para emissão de documentos, para serviços de saúde, para a rede de acolhimento institucional, para cursos profissionalizantes, para serviços de agência de emprego, dentre outros. Em casos de migrantes e pessoas em situação de rua de outros municípios, são ofertadas passagens rodoviárias visando a reintegração familiar.
 
Famílias e indivíduos chegam ao Centro Pop por meio da equipe de Abordagem Social, ou por demanda espontânea, e são direcionados pela recepção ao atendimento de assistentes sociais, advogados, educadores sociais, psicólogos, oficinas motivacionais e socioeducativas. O Centro Pop funciona de segunda a sexta-feira, das 08h às 18h.
Telefone: 3139-9537/ 3149-9932
Endereço: Avenida Gonçalves Ledo, 16, Divino Espírito Santo, Vila Velha- Cep: 29.107-130.