Equipe do Resgate à Fauna de Vila Velha recolhe 14 animais silvestres em junho


De: Secretaria de Meio Ambiente
Texto: Rovena Cruz| Foto: Divulgação
Criado: 10 de julho de 2019

Profissionais da Prefeitura de Vila Velha resgataram, apenas no mês de junho, 14 animais silvestres em vias públicas ou que entraram nas casas de moradores em busca de abrigo. Entre as espécimes: falcões, corujas, gambás, saguis, jiboias e cagados.

O técnico agrícola da Secretaria Municipal de Meio Ambiente Douglas Daniel (Auxiliar de Veterinário), que compõe a equipe do Resgate à Fauna, explica que os animais podem estar machucados ou assustados. Por isso, todo o procedimento de retirada deve ser feito por uma equipe especializada.

Segundo ele, após passarem por uma reabilitação, caso seja necessário, são reinseridos ao seus habitat de origem. “A coordenação segue até o local com os equipamentos adequados para resgatar a espécie que se encontra em risco. Identificamos a classe e tipologia da espécie e encaminhamos os animais para locais onde possam ter condições de sobrevivência com abrigo e alimentação adequada”, disse. 

Um exemplo ocorreu com a moradora da Barra do Jucu Tania Maia. Ao passar por um terreno baldio no bairro, ela avistou uma coruja filhote que não conseguia voar. Ela pegou a ave e levou para casa, mas não sabia como alimentá-la e nem se estava doente ou com algum membro quebrado.

"Coloquei a corujinha numa gaiola e soubemos do serviço de recolhimento da Prefeitura. Ligamos para a Ouvidoria e solicitamos o resgate. No dia seguinte pela manhã, o técnico foi até minha casa com uma caixa apropriada. Respondi um questionário e me despedi da ave na certeza que o melhor para ela era estar de volta a natureza", contou.  

Após resgatados, os animais são encaminhados para o Instituto de Pesquisa de Reabilitação de Animais Marinho (IPRAM), situado no Instituto Estadual de Meio Ambiente (IEMA) e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (IBAMA). Os animais que estão sadios são soltos na natureza em área de influência de parque municipal e/ou área de interesse de proteção ambiental.
 
Como acionar o serviço?

Quem se deparar com um animal silvestre, debilitado ou em um local que não é seu habitat natural pode acionar o serviço pelo site da prefeitura www.ouvidoria.es.gov.br, ou pelos telefones: 0800 2839 059 e/ou 162. E ainda através do aplicativo Ouve Vila Velha, ou na sede da Ouvidoria Municipal na avenida Santa Leopoldina, em Coqueiral de Itaparica.
 


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO