Prefeitura autoriza viagens de balsas turísticas


De: Secretaria de Gabinete
Texto: Gilberto Medeiros| Foto: Felix Falcão
Criado: 11 de março de 2019

Com a autorização da Prefeitura de Vila Velha para o serviço de viagens de balsas turísticas entre o município e Vitória, a empresa Ecobalsas planeja iniciar a Rota da Fé em abril, com duas embarcações. A expectativa é que os turistas e devotos que participam da Festa da Penha já serão atendidos. Agora a empresa tem de obter autorização da Capitania dos Portos, Superintendência de Patrimônio da União (SPU) e Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq).
 
O prefeito Max Filho disse que a implantação do transporte aquaviário turístico é parte do planejamento da Prefeitura de Vila Velha para dinamizar o potencial da cidade. “Estamos consolidando a estratégia da nossa administração em tornar mais acessível ao Sítio Histórico da Prainha, como o Convento da Penha e a Igreja do Rosário, integrando, pelo turismo e pelo transporte aquaviário as duas cidades irmãs, Vitória e Vila Velha”, ponderou.
 
O diretor da Ecobalsas, Aníbal Farias Abreu disse que, incialmente, serão 16 viagens por dia, oito em cada sentido. “O preço do embarque será R$ 5. As partidas ocorrerão às 6h30, 7h, 7h30 e 8h. À tarde, serão viagens às 17h30, 18h, 18h30 e 19h”, contou. Os pontos de embarque e desembarque funcionarão na Praça do Papa e na Prainha de Vila Velha. Os turistas poderão adquirir os bilhetes via aplicativo e nos locais de embarque.
 
O secretário de Governo Saturnino Mauro disse que a PMVV vai se reunir nesta semana com os pescadores da Prainha. “Vamos organizar o espaço para que todos sejam beneficiados”, afirmou.
 
A subsecretária de Desenvolvimento Econômico/Turismo Neymara Carvalho concordou com o prefeito e afirmou que o novo tipo de atração turística vai fomentar novos negócios na região. “Vamos implantar um Centro de Atendimento ao Turista na Prainha, para onde temos muitas ideias e projetos”, contou.
 
Números e serviços
 
Cada embarcação do tipo trimarã mede 14 metros por 5,5 metros e tem capacidade para 82 passageiros, sendo oito assentos preparados para pessoas com deficiência ou com necessidades especiais de mobilidade. Ciclistas poderão embarcar até 32 bicicletas. O espaço pet vai abrigar pequenos animais de até 40 centímetros, desde que sejam transportados pelos proprietários de acordo com a legislação.
 
Guias turísticos recepcionarão os passageiros e um sistema de podcast (áudio digital) via GPS apresentará, via sistema de sonorização, cada ponto turístico existente no trajeto à medida que a embarcação navega. O projeto a ser implantado entre Vitória e Vila Velha é de baixo impacto ambiental e foi premiado pelo Instituto Biosfera.

O termo de comodato foi assinado nesta segunda-feira (11) pelo prefeito Max Filho e pelo representante da empresa Ecobalsas Espírito Santo Ltdae vale por dois anos, podendo ser prorrogado.




SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO