Ação para inibir bailes clandestinos é realizada na madrugada deste domingo (27)


De: Secretaria de Defesa Social e trânsito, Secretaria de OBRAS, Secretaria de Saúde, Secretaria de Serviços Urbanos, Secretaria de Meio Ambiente
Texto: Vandique Magalhães| Foto: Felix Falcão
Criado: 27 de janeiro de 2019

A Prefeitura de Vila Velha, em conjunto com a Polícia Militar (PM), realizou na madrugada deste domingo (27) uma nova operação para inibir festas clandestinas. A ação ocorreu nos bairros de Cobi de Baixo, Primeiro de Maio e Argolas. O trabalho resultou na apreensão de um tablete com meio quilo de maconha, além de mais de 150 buchas e seis kits da droga. Também foram apreendidos nove pinos de cocaína.

Fiscais do município lavraram três notificações para a regularização do funcionamento de um bar em Cobi de Baixo, bairro onde foi iniciada a operação, por volta das 22 horas de sábado (26). No local da ação é realizada uma Festa Mandela, aos finais de semana. Com a chegada da Guarda Municipal e da PM houve dispersão dos participantes do evento, com a desmontagem de tendas e comércio de bebidas.

Uma vistoria minuciosa foi realizada em meio a becos e de Cobi de Baixo, onde a equipe do canil da PM, com o cão Killer, encontrou um tablete com meio quilo de maconha, 150 buchas e seis kits da droga, além de uma balança de precisão.

Depois, as equipes seguiram para o bairro Primeiro de Maio, onde é realizado o “Baile do QG”. Lá, os agentes da Guarda Municipal e policiais militares realizaram várias abordagens a suspeitos e também houve dispersão das pessoas no local. Em um terreno baldio, o cão Ayron, que também foi utilizado na ação, encontrou nove pinos de cocaína.

As esquipes retornaram novamente aos bairros de Cobi de Baixo e em Primeiro de Maio e as aglomerações que já se formavam, em ambos os locais, foram dispersas com a chegada dos policiais militares, que realizaram ações preventivas de abordagens a suspeitos e a veículos. Por fim, as equipes ainda percorreram o bairro de Argolas, no “Baile da Zona”. A operação foi encerrada por volta das 3 horas deste domingo (27).

Mais de 150 abordagens a veículos e a suspeitos foram realizadas nos locais da ação. Ninguém foi detido. Participaram da ação, dez agentes da Guarda Municipal (com três viaturas) e equipes de fiscalização da Prefeitura de Vila Velha (Posturas, Vigilância Sanitária, Meio Ambiente e Obras). O trabalho contou com a atuação de 40 policiais militares e 11 viaturas da corporação (quatro da Força Tática, quatro de Missões Especiais e três de operações com cães).

O secretário municipal de Defesa Social e Trânsito, o coronel Oberacy Emmerich Júnior, disse que as operações vão continuar com o objetivo de trazer mais tranquilidade à população e inibir esse tipo de evento, que em sua avaliação são "polos de irradiadores de violência”. A capitão da PM, Samiranis avaliou como positiva a operação: “Conseguimos, com êxito, inibir bailes clandestinos enquanto ocupávamos os locais. Também apreendemos drogas”. 


     


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO