Fiscalização ambiental realiza intervenções no município

De: Secretaria de Meio Ambiente
Texto: Rovena Cruz | Foto: Divulgação.
Criado: 29 de dezembro de 2018
A Prefeitura de Vila Velha realizou nos últimos dias três ações de fiscalização. Equipes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) identificaram o descarte irregular de detritos, a colocação de outdoors em local proibido pela legislação e uma criação não permitida de abelhas.

Por meio de uma denúncia, a Gerência de Fiscalização de Atividades Poluidoras (GEFAP), da Semma, chegou, no dia 21 de dezembro, à uma criação irregular de abelhas no Parque Natural Municipal de Jacarenema. Fiscais da Semma localizaram o proprietário e o notificaram.

“Nós recebemos uma denúncia e a equipe da fiscalização ambiental foi ao local e verificou que se tratava realmente de abelhas dentro do parque, o que é vedado pela lei. O responsável foi notificado. É proibido pode criar abelhas dentro de parques naturais, ainda mais sendo exóticas, como as africanas”, afirmou o secretário da Semma, José Vicente de Sá Pimentel.

O proprietário fez a retirada de todas as caixas com abelhas do local, porém será multado, uma vez que é reincidente. Em 2014 ele praticou a mesma irregularidade. “O proprietário tinha total ciência que não era permitida a introdução de qualquer espécie exótica de abelhas no local por se tratar de uma unidade de proteção integral”, declarou o gerente de Fiscalização da Semma, Thiago Malta.

Em outra ação, realizada no dia 22 de dezembro, dois outdoors instalados irregularmente foram notificados. Os materiais estavam dentro dos limites do Parque Natural Municipal de Jacarenema, que é uma unidade de proteção integral. O proprietário foi localizado e removeu o material.

Uma vistoria realizada na manhã de quinta-feira (27), pela equipe de Fiscalização da Semma, também identificou, na Estrada do Dique, um descarte irregular de detritos. Três empresas foram identificadas e serão autuadas em R$ 7 mil cada uma.


 
 

SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO