18 novos agentes da Guarda Municipal serão convocados

De: Secretaria de Gabinete
Texto: Priscila Contarini| Foto: Pedro Lodi
Criado: 05 de junho de 2018
Uma espera de três anos. Dezoito agentes da Guarda Municipal aprovados no último concurso serão convocados para complementar o efetivo determinado por lei - 300 agentes. O anúncio foi feito pelo prefeito Max Filho durante a Assembleia Popular realizada nesta segunda-feira (4), no Teatro Municipal de Vila Velha, Centro.

“A Guarda Municipal de Vila Velha terá, assim, o efetivo de 300 agentes que é o determinado por lei. Prestaram o concurso, foram aprovados e farão o curso de formação da Guarda. Vale destacar que só podemos nomear o efetivo previsto na lei”, esclareceu o prefeito.

João Silva, futuro integrante da Guarda, agradeceu o cumprimento da legislação. “Aguardamos há três anos por este momento. Vila Velha é o único município da Grande Vitória que cumpre a determinação do número de agentes da Guarda Municipal para atuar na cidade”.

Durante a reunião, o prefeito destacou a situação da ordem judicial para demolição dos 46 quiosques da orla e sugeriu uma reunião com representantes da categoria. Na ocasião, o subsecretário municipal de Meio Ambiente, Maurício Gorza, apresentou o calendário com as atividades programadas para o mês de junho, em alusão ao “Dia Mundial do Meio Ambiente” (Junho Verde), comemorado nesta terça-feira (05).
 
Outros destaques
 
Como de costume, os moradores e líderes comunitários também aproveitaram para falar a respeito de suas reivindicações. Luiz Gustavo, atual representante da Associação Comunitária do bairro Soteco, solicitou mais infraestrutura para o bairro. “Quero aproveitar a oportunidade para solicitar a pavimentação de algumas vias do nosso bairro”, pontuou. Em resposta, o secretário municipal de Obras (Semob), Luiz Otávio de Carvalho, informou que fará uma visita à região para avaliação.

Questionado por um participante sobre a necessidade de intervenções na Unidade Municipal de Ensino Fundamental (Umef) Ofélia Escobar, localizada no bairro Aribiri, o secretário Municipal de Educação, Roberto Beling, citou que intervenções estão sendo planejadas para a unidade. “A empresa gerenciadora de projetos contratada pela Prefeitura está realizando um diagnóstico na escola para avaliar as intervenções necessárias e programar as ações.”

Juliana Guimarães, da Rua Expedicionário Aquino de Araújo, mais conhecida como Rua 24h, localizada no Centro, elogiou o atendimento imediato da Prefeitura solicitado por meio da Ouvidoria. “Jardinagem, limpeza e iluminação pública, todas as minhas demandas foram atendidas”, comemorou.

SERVIÇOS PARA