​“Bike VV” perto de ser lançado

De: Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Mobilidade
Texto: Érico Miranda| Foto: Félix Falcão
Criado: 14 de fevereiro de 2018

As instalações das 15 estações que iniciarão o sistema compartilhado de bicicletas “Bike VV” devem ser concluídas até o sábado (17). Equipes da TemBici (empresa que venceu a licitação) já começaram a instalar os equipamentos.

Nos próximos dias, o prefeito Max Filho, em conjunto com técnicos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Mobilidade (Semdu) e a Tembici, definirá a data do lançamento oficial do “Bike VV”, que terá o patrocício da empresa Samp e o Banestes.

O “Bike VV” estava programado para ser lançado oficialmente no dia 15 de dezembro. Porém, a greve dos auditores da Receita Federal, iniciada no início de novembro de 2017, adiou o início da operação do sistema em Vila Velha. Importados do Canadá, os equipamentos necessários para a instalação das estações e as próprias bicicletas estravam retidos no Porto de Santos, no litoral de São Paulo. Uma apresentação do serviço, em caráter experimental, foi realizada em 15 de novembro, na Praia de Itaparica.

Serão 200 bicicletas disponíveis para o público, sendo que 20 delas serão bikes duplas, destinadas exclusivamente às pessoas com deficiência visual. Além das 15 primeiras estações, está prevista a instalação de outras cinco nos próximos meses.

Como usar

- Os usuários do sistema deverão ter um plano ativo e possuir cadastro no APP Tembici, disponível para sistemas Android ou IOS e também no site www.bikevv.com.br (que será desenvolvido);
- Haverá planos mensais e anuais para usar o serviço. Os usuários terão acesso a um cartão com um custo de R$ 5,00. Os planos diários poderão ser adquiridos diretamente nas 20 estações com totem de autoatendimento, em 30% das estações (seis locais);
- Após pagar a taxa de adesão (de acordo com o plano contratado: diário, mensal ou anual) o usuário terá direito a uma viagem de até 60 minutos. Será possível realizar viagens durante todo o dia, obedecendo o intervalo mínimo de 15 minutos entre as viagens. Caso o usuário utilize a bicicleta antes do prazo mínimo de intervalo o uso será contabilizado como uma nova viagem;
- Ao todo serão 200 bicicletas e 20 pontos para o aluguel e devolução;
- 20 bicicletas serão duplas, para o uso de pessoas com deficiência visual;
- O uso do sistema poderá ser feito das 5 horas à meia-noite (0 hora);
- Valores: R4 5,40 (plano diário); R$ 10,80 (mensal) e R$ 67,50 (anual); 
- Formas de pagamento: APP da Tembici, site do Bike VV (em construção) e nos totens de autoatendimento, somente com cartão de crédito.
 
Confira os locais das 15 primeiras estações 

- Curva da Sereia (Praia da Costa);
- Interseção entre as avenidas Champagnat e Antônio Gil Veloso (Praia da Costa);
- Interseção entre a Rua Maranhão e a Avenida Antônio Gil Veloso (Praia de Itapuã);
- Interseção entre as avenidas Jair de Andrade e Antônio Gil Veloso (Praia de Itapuã);
- Avenida Estudante José Júlio de Souza (Praia de Itaparica) – próximo ao Bob’s;
- Interseção entre a Rua Itaperuna e a Avenida Estudante José Júlio de Souza (Praia de Itaparica);
- Avenida Estudante José Júlio de Souza (Praia de Itaparica) – próximo à Praça dos Ciclistas;
- Praça Otávio Araújo, na esquina com a Rua Frei Pedro Palácios (Prainha);
- Rua Helena Modenese, na interseção com a Avenida Champagnat – ao lado do McDonald’s (Centro);
- Praça Duque de Caxias (Centro);
- Avenida Jerônimo Monteiro – próximo ao Shopping da Terra (Centro);
- Rua Santa Cruz, na interseção com a Rua Santa Rosa (Glória);
- Praça Meyerfreund (Glória);
- Praça de Coqueiral de Itaparica;
- Praça Dom Cavatti (Itapoã).


SERVIÇOS PARA


ACESSO RÁPIDO