Foz do Rio Jucu é ampliada para melhorar vazão

De: Secretaria de Desenvolvimento Sustentável, Secretaria de Infraestrutura, Projetos e Obras
Texto: Paulo Borges Filho| Foto: Felix Falcão
Criado: 14 de setembro de 2017

Melhorar a vazão do rio Jucu, ampliando a boca do rio. Com este objetivo, a Subsecretaria de Meio Ambiente de Vila Velha com o apoio da Secretaria de Infraestrutura, Projetos e Obras (Semipro), realizou na tarde desta  quarta-feira (13) uma intervenção com uma escavadeira  de esteira para dragar a areia  acumulada na entrada da foz do rio jucu, trazida pelo movimento  das marés.
      
Nas últimas semanas técnicos da Subsecretaria de Meio Ambiente monitoraram a foz do rio que  estava com cerca de 3 metros de largura, considerado com baixa vazão.  O subsecretário de Meio Ambiente, Maurício Gorza, reuniu-se com pescadores e moradores da Barra do Jucu para avaliar a situação.
 
“A intervenção foi necessária para melhorar a vazão do rio. Vale lembrar que a foz sofre forte influência das marés. Vamos continuar monitorando e caso seja necessária faremos nova intervenção no local”, finalizou.
 
O problema do assoreamento do rio Jucu aumentou depois que, há cerca de seis anos, foi desviado todo o esgoto de Itaparica para o canal de Guaranhuns que deságua debaixo da ponte sobre o rio na Rodovia do Sol. A foz do rio passou a receber o esgoto dos canais de Guaranhuns e do Canal do Congo (que recebe o esgoto dos bairros da região 5 a partir de Terra Vermelha), o que gerou sérios problemas de saneamento na Barra do Jucu.


SERVIÇOS PARA

ACESSO RÁPIDO