Defesa civil e guarda-vidas atendem a mais de 300 chamados

De: Secretaria de Prevenção, Combate à Violência e Trânsito
Texto: Vandique Magalhães| Foto: Felix Falcão
Criado: 12 de julho de 2017

A defesa da vida é um dos princípios fundamentais que norteiam o trabalho do setor de Salvamento Aquático e também o da Defesa Civil, ambos desenvolvidos pela Prefeitura de Vila Velha. Mais de 330 chamados foram realizados para os órgãos entre janeiro e maio desse ano.
           
De acordo com os números apurados nesse primeiro semestre, o plantão 24 horas da Defesa Civil realizou uma média de 30 atendimentos por dia. Entre janeiro e maio desse ano foram registrados 217 chamados para vistorias, com a emissão de 138 notificações. Além disso, a equipe da Defesa Civil promoveu nos turnos de manhã e tarde uma simulação preventiva de acidentes na Unidade Municipal de Ensino Fundamental (Umef) "Juiz Jairo de Mattos Pereira", em São Torquato.
 
Nas situações em que envolvem risco, as equipes da Defesa Civil iniciam o trabalho de monitoramento a partir das imagens captadas pelo videomonitoramento, com a identificação dos pontos de alagamentos e níveis dos canais. Em casos de necessidade, o órgão aciona as 17 bombas instaladas nas Estações de Bombeamento do município para o escoamento das águas da chuva.

A Defesa Civil também mobiliza outros serviços operacionais da PMVV.  Já os serviços de salvamento aquático, prestados por 81 guarda-vidas na orla do município, registraram 120 ocorrências no mesmo período do ano. Entre as ocorrências estão afogamentos e resgate de banhistas. A PMVV também está melhorando as condições de trabalho dos guarda-vidas com a recuperação dos 29 postos instalados nas praias do município.

SERVIÇOS PARA

ACESSO RÁPIDO