O prefeito Rodney Miranda visitou, nesta terça-feira (27), obras que estão sendo executadas no município com o objetivo de minimizar os impactos das chuvas. Dentro de um plano de prevenção às inundações, a Prefeitura realiza uma série de intervenções para possibilitar uma drenagem mais eficaz das águas das chuvas, algumas delas aguardadas há anos pela população.

O prefeito percorreu as ruas dos bairros Darly Santos e Pontal das Garças e acompanhou o trabalho de dragagem do canal que corta os bairros. Com a dragagem, retira-se o material que se acumula no fundo e que dificulta o fluxo de água para o rio Jucu. O prefeito também ouviu sugestões e solicitações dos moradores. Uma equipe técnica acompanhou a visita e também tirou dúvidas dos moradores.

Rodney Miranda e sua equipe também estiveram no Canal da Costa, onde acompanharam o andamento das obras de macrodrenagem. Dentro do conjunto de intervenções da Macrodrenagem do Canal da Costa, estão o desmonte e a retirada das rochas do local, aguardadas pela população de Vila Velha há mais de vinte anos. A retirada das rochas permitirá uma melhor drenagem das águas das chuvas.

Também estão em curso as obras de instalação do Sistema de Comportas e Bombeamento do Canal de Guaranhus, que beneficiará diretamente os bairros Darly Santos e Pontal das Garças. O Sistema tem por objetivo evitar a inundação das áreas próximas ao Canal de Guaranhuns, muito vulneráveis às marés, e também permitirá que, em caso de cheias do Canal, as águas sejam lançadas diretamente no rio Jucu.

Macrodrenagens beneficiarão diretamente mais de 200 mil habitantes

As obras no Canal da Costa incluem intervenções em 9 sub-bacias: Bigossi, Cocal, Jaburuna, Alvorada, Cobilândia, Santa Rita, Vila Batista, Vila Garrido e Ibes. Já as obras de macrodrenagem do Canal do Congo beneficiarão diretamente 13 bairros: Riviera da Barra, Cidade da Barra, Barramares, Barra do Jucu, Praia das Conchas, Ilha dos Recifes, 23 de maio, Terra Vermelha, Residencial Jabaeté, Normília da Cunha, Ulisses Guimarães, São Conrado e João Goulart. Somando as duas, serão mais de 34 quilômetros desassoreados.
 

 

MAIS NOTÍCIAS